Sopcast (P2PTV) em Linux

Este post é a continuação deste [Como ver emissões de TV via P2P em Linux].

Como havia dito, um dos programas/protocolos que permitem visualizar emissões televisivas P2PTV é o sopcast. Este programa é composto por duas partes, um back-end que trata das ligações a outros pares, e um front-end que permite visualizar o estado a emissão, ver a lista de canais, lançar e parar o player, etc.

Em Debian/Ubuntu normalmente bastaria fazer um “sudo aptitude install X” e ficaria tudo a funcionar, mas como estamos a falar de versões bleending edge vai ser mesmo preciso fazer umas quantas coisas à pata.

Back-end

Para instalar o back-end é necessário descarregar o ficheiro comprimido que contém o executável, extraí-lo e coloca-lo numa directoria que esteja na $PATH. Eu que sou fã do terminal fiz assim:

wget -c  http://download.sopcast.cn/download/sp-auth.tgz
tar zxvf sp-auth.tgz
cp sp-auth/sp-sc-auth ~/bin/

A partir de agora já é possível ver uma emissão P2P, basta por exemplo fazer o seguinte:

sp-sc-auth sop://broker.sopcast.com:3912/6001 3908 8908 > /dev/null &

mplayer  http://localhost:8908/tv.asf

Front-End

Instalei uma versão alterada do frontend qsopcast, esta versão permite tratar as URLs adicionadas a partir do Firefox. Esta versão não estava disponível como um .deb por isso foi necessário compila-la, para tal é preciso instalar os pacotes de desenvolvimento de software (compiladores, bibliotecas, etc):

sudo aptitude update
sudo aptitude install qt3-apps-dev build-essential

Depois é só descarregar o código-fonte alterado, descomprimir, entrar na directoria e compilar, ou seja:

wget -c http://www.linux.ryukent.co.uk/download/qsopcast-0.3.5.rkmod.tar.gz
tar zxvf  qsopcast-0.3.5.rkmod.tar.gz
cd   qsopcast-0.3.5/src
sudo qmake ; sudo make ; sudo make install

e pronto já está quase, só falta associar no Firefox o protocolo sop:// ao qsopcast, eu fiz assim:

  • abri o endereço “about:config” (sem as aspas);
  • criei uma nova string, (clicar com o botão direito);
  • dei-lhe o nome  “network.protocol-handler.app.sop“;
    • e o valor “qsopcast“.

A partir de agora sempre que se clicar numa URL começada por sop:// abre-se o qsopcast.

O funcionamento deste front-end é bastante simples, depois de escolhido o canal (via lista de canais ou via URL do Firefox), é só clicar “Lauch”,  esperar que o status passe pelos modos “Conecting”, “Waiting”, e depois começam a aparecer uma série de números, o único valor a que ligo é o primeiro, creio ser a percentagem de qualidade da emissão, quanto mais alto melhor. Se clicar “Player” é lançado o player com a emissão P2PTV, se carregar “Stop” o player é parado. Bastante simples não? 🙂

qsopcast status bar

Este meu tutorial é muito baseado neste outro.

Edit: Tal como o A.E. disse: Estou a assumir que têm o mplayer instaldo, se não tiverem têm de ir  às configurações do qsopcast e alterar o player.

facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail
Posted in Linux, Tech, Tutorial. Tags: , , , , , , , , , . 9 Comments »
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Pub.

Como ver emissões de TV via P2P em Linux

Descobri que é possível ver uma miríade de eventos on-line e em directo usando protocolos P2P. Normalmente a palavra chave P2P aparece associada a programas como o Emule ou BitTorrent. Aqui o conceito é o mesmo, trocar partes da transmissão com outros pares que estejam a ver a mesma emissão, invés de fazer streaming de um servidor central.

Tudo começa com alguém a disponibilizar uma emissão televisiva, por vezes as próprias TVs¹, depoisP2P TV o sinal é propagado para um par que o passa a outros pares e estes a outros… Passam então a existir milhares de trocas par a par (P2P) e o”servidor” inicial só teve de transmitir a uma meia-dúzia, mas chegou a milhares 🙂

Existem diversos protocolos/programas (não me parece que exista uma clara distinção entre ambos) que são utilizados para ver os eventos [desportivos]:

Creio serem [todos] de origem asiática, mas P2P TVnão os experimentei a todos, só aos 2 primeiros da lista. O Sopcast corre em Linux de forma nativa e o TVAnts precisa de ser executado em cima do Wine, mas corre sem problemas 🙂

Cheguei a experimentar o TVU em Windows, na altura do Mundial de 2006, sei que versões mais antigas corriam sobre o Wine, mas a sua versão mais recente deixou-se disso 🙁

Com os dois primeiros programas apanha-se [quase] tudo, por isso não senti a necessidade de descobrir se os outros funcionavam bem ou mal em Linux.

[actualização] Irei fazer Fiz um post sobre como instalar e correr o Sopcast em Linux e outro sobre o TVAnts.

Para já ficam uma série de links de onde são disponibilizadas os eventos e canais transmissores. Estes sites não são os únicos (de forma alguma), mas são os que costumo visitar:

  • MyP2P [EN]
    • O meu site favorito, muito completo, muito organizado e mostra logo os protocolos e a qualidade das emissões – é o que recomendo!
  • Roja Directa [ES]
    • Site espanhol bastante conhecido no meio, quando o MyP2P não me dá a resposta que quero é neste que costumo procurar.
  • Tuga Live [PT]
    • Bastante completo e em português, mas não costumo lá parar muito.

¹ A RTP disponibiliza a emissão da RTPi num outro programa/protocolo chamado Octoshape, também tem suporte nativo de  Linux. A minha rádio on-line favorita, Radio Paradise, disponibiliza a emissão via P2P neste mesmo protocolo. Pode ser que um dia destes mereça um post completo 🙂

facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail
Posted in Linux, Tech, Tutorial. Tags: , , , , , , , , , , . 2 Comments »
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Pub.